terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

Bugiu visitando nossa escola

Na manhã do dia 04 de fevereiro um uivo ensurdecedor foi ouvido ao redor da escola. Ninguém imaginava o que podia ser, uma das serventes da escola deu um palpite:
- Até parece os bugius do campo do meu pai!
Saímos aos fundos da escola para averiguar e descobrimos um enorme bugiu na mata gritando. 
Marcando território? Chamando o bando? Avisando de perigo? Saudades dos alunos? 

Não sabemos, mas  à tardinha ele estava se alimentando  de frutinhas ali perto. 
Muitas pessoas já viram bugios na mata da escola, principalmente no alto das araucárias na época dos pinhões.













Nome popular: bugio-ruivo
Nome científico: Alouatta guariba
Família: Atelidae
Gênero: Alouatta 

Características: Na nossa região são encontrados  nas matas de araucária. Vivem em bandos de aproximadamente 10 indivíduos,  sob o comando de um adulto. Locomovem-se com o auxílio de sua cauda. Como alimenta-se basicamente de folhas de árvores, pobre em calorias,  passam muito tempo em repouso. Alimentam-se também de frutas, brotos, pinhões, lianas (cipós) e flores. Eles podem viver até 20 anos, porém estão entrando em processo de extinção devido principalmente a destruição de seu habitat. Aqui em Caxias do Sul presenciamos isso a olhos vistos, o desmatamento é escancarado, sem o menor respeito a vida dos animais silvestres, que  dependem das matas para sua sobrevivência.

O ronco do bugiu, ensurdecedor é do líder do bando, que possui essa capacidade devido ao osso hióide, de grande volume nos machos,  funcionando como uma caixa de ressonância, assim sua vocalização pode ser ouvida de muito longe.


Informações do site:
http://veraemedeiros.blogspot.com.br/2016/02/bugiu-especie-em-risco-de-extincao.html



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tipos de Moradia

Turma: 2º ano B Professora: Aline Camazzola Tipos de Moradias Os estudantes do 2º ano B estudaram sobre tipos de moradia, e com...